Ficou tudo para ser resolvido no Pacaembu !

0
149

O maior astro do Santos não titubeou nesta quarta-feira para antecipar qual será a postura do time no jogo de volta da final da Libertadores, após o empate por 0 a 0 com o Peñarol, no Uruguai. Insatisfeito com uma suposta perseguição que sofreu do árbitro na partida, Neymar prometeu que, no Pacaembu, o Santos voltará a ter a ofensividade que marcou a equipe na competição.

“No Pacaembu vamos mostrar o santos que foi pra final”, disse o atacante em entrevista à TV Globo, reforçando que o empate sem gols em Montevidéu foi um bom resultado. “Com certeza”, confirmou Neymar. Mas o astro santista estava visivelmente incomodado.

O motivo ele revelou ainda no intervalo do jogo no estádio Centenário. “Estamos lutando contra tudo. Eu contra o juiz, que fica me ameaçando se eu cair que vai me botar para fora”, revelou Neymar. A principal reclamação do atacante foi por um lance em que foi punido pelo árbitro paraguaio Carlos Amarilla com o cartão amarelo, por simulação.

“Tomei cartão no começo do jogo (20 minutos) sendo que nem fiz nada, nem pedi falta. É que fui atingido. Não foi na barriga. Foi abaixo, em um lugar que não posso falar, e que dói muito”, contou Neymar.

Assim como o atacante, o experiente Elano também comemorou a igualdade na casa do adversário.“Tenho respeito pela equipe do Peñarol e não conseguimos nada ainda, mas com certeza foi um bom resultado”, afirmou o jogador da seleção brasileira.

Já o goleiro Rafael rechaçou um possível favoritismo santista no jogo da próxima quarta-feira, na capital paulista . “Muitas pessoas acham que a gente é favorito, mas futebol hoje tem que estar ligado e atento para não ser surpreendido. Importante é que não perdemos, mas temos que ganhar o jogo em casa”, comentou o arqueiro.

Responda

Please enter your comment!
Please enter your name here